ejaculação precoce

Ejaculação precoce: existe cura?

A ejaculação precoce (EP), ejaculação prematura ou  ejaculação rápida são termos utilizados para uma situação clínica na qual o homem ejacula antes que gostaria.  O problema ou sintoma  pode ser definido ainda como a incapacidade de retardar a ejaculação o suficiente para que a parceira obtenha orgasmo em pelo menos 50% das vezes. Nesses casos, número de incursões intravaginais varia entre 8 a 15 vezes até a ejaculação.

A ejaculação precoce também pode ser definida como uma disfunção sexual masculina caracterizada pela ejaculação que ocorre sempre ou quase sempre antes ou aproximadamente um minuto após a penetração vaginal, causando sofrimento, frustração, aborrecimento e/ou evitação de intimidade sexual.

Pode ser definida como primária quando ocorre desde a primeira relação sexual, e secundária, quando o homem ejaculava normalmente e passa a apresentar ejaculação precoce.

Diagnóstico

O diagnóstico se dá basicamente pelo relato pessoal de rapidez ejaculatória, pela análise da história clínica e sexual, e pelo exame físico do paciente. Ademais, exames complementares são, na maioria das vezes, desnecessários.

Tratamento

Não existia, até recentemente,  uma medicação específica para o tratamento da ejaculação precoce. A Dapoxetina foi a primeira droga lançada especificamente  para a ejaculação precoce, sendo usada apenas horas antes do sexo.
Além dela,  são usadas outros antidepressivos, estes, porém, usados a longo prazo. Também podem ser usadas pomadas anestésicas no intuito de diminuir a sensibilidade na glande.
Os principais medicamentos usados são: clomipramina, citalopram, fluoxetina, paroxetina, sertralina, duloxetina, dapoxetina, tadalafila, tramadol.
Associado aos tratamentos acima, temos o tratamento psicoterapêutico

Principais dúvidas quanto à ejaculação precoce

1) Qual o melhor tratamento descrito?

Não existe um melhor tratamento para o combate a ejaculação precoce. O paciente  tem tendência a se adaptar a uma droga específica. O que se sabe até o momento é que os pacientes que têm ejaculação precoce desde as primeiras relações tem piores resultados nos tratamentos propostos.

2) Vou ter de tomar o remédio para sempre?

Os tratamentos para ejaculação precoce  propostos têm duração inicial de 6 meses, ocorrendo avaliação após esse período. Alguns pacientes se beneficiam de um tratamento mais prolongado.

3) Quais são os principais efeitos colaterais das medicações?

A principal classe de medicamentos usada é de antidepressivos, que podem ter os seguintes efeitos colaterais:
  • boca seca;
  • fadiga;
  • náuseas;
  • sonolência;
  • diminuição de libido.

A interrupção abrupta do tratamento pode levar à chamada síndrome de descontinuação dos ISRSs, que provoca os seguintes sintomas:

  • náuseas;
  • vômitos
  • vertigem;
  • diarreia;
  • letargia;
  • agitação;
  • ansiedade;
  • sonolência.

4) Qual é a causa da ejaculação precoce?

A principal característica do paciente com ejaculação precoce é ser ansioso. Nesse sentido, os medicamentos acima diminuem o quadro de ansiedade.

5) Tem algum tratamento que não necessite  tomar a medicação diariamente?

Sim, existe um método de tratamento que consiste tomar o antidepressivo 4 horas antes da relação em dose mais elevada.

6) Homens circuncidados têm menos ejaculação precoce?

Retirar o prepúcio, a pele que recobre a cabeça do pênis, parece não ter grande influência no tempo de transa. A circuncisão deve ser encorajada mais por uma razão higiênica e em casos de dor/ infecção de repetição.

7) Usar preservativo melhora a Ejaculação precoce?

Sim. A estratégia funciona para alguns homens, pois a camisinha impõe uma barreira que diminui o contato do pênis com a vagina. No entanto, os estudos que avaliaram a sua efetividade nesse quesito não foram conclusivos.

Nos homens  que dizem se beneficiar da estratégia, os modelos de látex mais grossos são preferíveis. Além disso, esses pacientes irão se beneficiar, estando protegidos das ISTs e suas comorbidades.

Sim, porque as bebidas relaxam e diminuem  a ansiedade. Mas esse é um caminho perigoso: o homem pode ganhar uma dependência da bebida alcoólica para ter uma relação sexual satisfatória. Além do vício físico da bebida, ainda pode o haver o vínculo psicológico.

9) E se eu estiver demorando para ejacular? Tem problema?

Embora raro, o transtorno existe. É a anosgarmia, ocasionada por antidepressivos, baixas na testosterona ou instabilidades emocionais. Assim, a psicoterapia e os fármacos resolvem a situação em alguns casos.

10) A posição influencia o tempo de ejaculação?

Vai depender muito do casal e vai variar de homem para homem, pois a preferência por certas posições e o estímulo causado por elas varia de pessoa para pessoa.

11) Vou melhorar com o passar dos anos?

Alguns pacientes mais jovens, ao iniciarem seu ciclo sexual, vão se deparar com esse problema, que tende a melhorar com o passar do tempo. Isso porque os pacientes acabam acostumando com a novidade (no caso, o sexo).
Outros, no entanto, não irão melhorar com o passar dos anos, e vão se beneficiar do tratamento.

12) Apenas homens inexperientes têm ejaculação precoce?

Isso é um mito, pois já se mostrou que a EP está relacionada com fatores emocionais e psicológicos, e não com o número de parceiras/os  que o homem teve durante a vida.

13) Quem tem disfunção erétil pode ter ejaculação precoce?

Muitos pacientes que têm disfunção erétil apresentam como sintoma a ejaculação precoce. Isso ocorre porque ficam ansiosos por não estar tendo uma boa ereção, e acabam ejaculando rápido.  Dessa forma, o tratamento da impotência irá melhorar a EP.

14) A EP faz mal para a saúde?

Sim, pois os pacientes vão ficando cada vez mais estressados, desmotivados, com baixa autoestima, o que pode gerar uma  depressão. Assim sendo, o ideal é sempre procurar acompanhamento médico

15) A EP influencia na fertilidade?

Isso é um mito. Na medida que o homem ejaculando rápido, contudo dentro da vagina, possui as mesmas chances de  engravidar que um homem que demora mais tempo.

16) O que devo fazer em caso de Ejaculação precoce?

O ideal é marcar uma avaliação com seu urologista , no intuito de sanar suas dúvidas e providenciar o melhor tratamento.
17) Existe remédio natural para Ejaculação precoce? 
Não existem fitoterápicos eficentes para a cura da ejaculação precoce.
18) Existe alguma classificação sobre ejaculação precoce?
Não existe classificação em tipo de ejaculação precoce.
19) Ejaculação precoce x Adolescência
Os adolescentes têm uma maior tendência a ter ejaculação precoce na medida que ainda estão num processo de maturação psicológica de suas relações sexuais.
O site da Sociedade Brasileira de Urologia possui informações relacionadas
Estou a disposição em caso de uma avaliação na minha clínica para ejaculaçao precoce   em Belo Horizonte( bh) , Nova Serrana, Pará de Minas. Em caso de urgência, mande um whatsapp para 31-999193773
Você pode vencer a ejaculação precoce. Faça uma consulta e recebo seu tratamento. O preço do seu tratamento será apenas o preço de sua consulta, mais o valor da medicação prescrita que você irá comprar na sua farmácia de preferência.

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp